Briga pelo comando do PCdoB em São Benedito do Rio Preto

Briga pelo comando do PCdoB em São Benedito do Rio Preto

prefeito José Maurício e Wilson Viana, atual presidente do PCdoB

Uma briga intestina do partido comunista, em São Benedito do Rio Preto, tem agitado a política da região do Leste Maranhense.

O prefeito José Maurício, cassado recentemente pela Justiça Eleitoral mas que permanece no cargo até o julgamento do seu recurso, decidiu sozinho quem seria o candidato à sua sucessão: o médico Bonifácio Gama.

Considerado um forasteiro, Dr. Gama não caiu bem no paladar político são-beneditense e boa parte do grupo do prefeito se insurgiu contra o projeto.

Mesmo assim, o prefeito José Maurício decidiu impor goela à baixo o seu candidato tirado do bolso e para garantir sua intenção, com medo de não conseguir emplacar o seu candidato dentro do atual comando municipal da legenda comunista, tentou uma espécie de “intervenção branca” no partido municipal.

José Maurício veio à direção estadual do PCdoB, pediu e foi atendido. Isto é, sem qualquer embasamento jurídico, modificou o cadastro eletrônico da Justiça Eleitoral, colocando seu próprio nome como presidente municipal do PCdoB de São Benedito.

Acontece que o verdadeiro presidente, eleito e empossado, Wilson Viana, não se sujeitou aos caprichos políticos do prefeito e fincou o pé: não largaria a presidência para a qual fora leito e cujo mandato só se encerra em novembro de 2021.

Na quebra de braço, os dois se reuniram com a direção estadual do partido que tentou intermediar um acordo. Porém, o prefeito Maurício não abriu mão do seu candidato e colega médico enquanto Wilson não admitiu uma decisão de cima pra baixo, passando a exigir que a escolha fosse feita pelos convencionais do partido no município, por ser mais democrático.

Sem entendimento, prefeito Maurício e Viana foram para às barras da justiça. Wilson já largou na frente contratando o renomado advogado Márcio Coutinho. Já o prefeito, se continuar perdendo na Justiça eleitoral, ficará sem o partido, sem candidato e até sem o mandato já que, para além dessa disputa interna partidária, ele também enfrenta duro processo de cassação.

É aguardar!

Mais de 85 mil servidores públicos receberam auxílio emergencial de forma irregular no Maranhão

Mais de 85 mil servidores públicos receberam auxílio emergencial de forma irregular no Maranhão

Um levantamento da Controladoria-Geral da União (CGU) e do Tribunal de Contas do Estado (TCE-MA) apontou que 85.213 servidores públicos estaduais e municipais receberam de forma irregular o Auxílio Emergencial no Maranhão.

Os dados aponta que entre os 26 estados e o Distrito Federal, o Maranhão foi a unidade da federação em que mais servidores públicos receberam o auxílio. Em todo o país, mais de 317 mil funcionários públicos receberam o benefício e o prejuízo aos cofres públicos chega a R$ 222,987 milhões.

No Maranhão, mais de R$ 62 milhões foram pagos indevidamente aos servidores públicos. Segundo a CGU, o valor pode ser ainda maior já que os dados foram baseados nos rendimentos pagos no mês de maio e, muitos servidores, receberam mais de uma parcela do benefício.

Ex-deputado Zé Genésio pede funcionamento de 15 novos leitos no Hospital Macrorregional de Pinheiro

Ex-deputado Zé Genésio pede funcionamento de 15 novos leitos no Hospital Macrorregional de Pinheiro

O ex-deputado José Genésio Mendes Soares – o Zé Genésio (PSDB), pai do prefeito de Pinheiro, João Luciano da Silva Soares – o Luciano Genésio (Progressistas), usou suas redes sociais, essa semana, para solicitar do governador Flávio Dino e do secretário de Saúde do Estado, Dr. Carlos Lula, em caráter de urgência e emergência, providências para o funcionamento de 15 novos leitos que estão montados no Hospital Regional da Baixada Maranhense Dr. Jackson Lago, conhecido como Hospital Macrorregional de Pinheiro.

Em seu comentário, o ex-parlamentar destacou a sugestão se faz necessário em função da situação que Pinheiro vem enfrentado uma vez que é referência para o atendimento da Baixada Maranhense. “Como em todo lugar a demanda está muito alta, maior que a capacidade de atendimentos”, destacou.

De acordo com Zé Genésio, as estruturas estão montadas, mas faltam os ventiladores e os funcionários para trabalhar para que estes quinze novos leitos possam funcionar. “Então, diante do avanço dos casos do Covid-19 na região, nossa população  precisa que seja agilizado  o mais rápido possível o funcionamento desses leitos. Faço esse pedido porque tenho acompanhado e observado a situação pra onde estamos caminhando”, completou.

VEJA O RELATO NAS REDES SOCIAIS

Gostaria de solicitar ao Governador Flávio Dino e ao Secretário de Saúde do Estado, Dr. Carlos Lula,  que verificassem a situação que Pinheiro vem enfrentado uma vez que é referência para o atendimento da Baixada Maranhense.  Como em todo lugar a demanda está muito alta, maior que a capacidade de atendimentos.

O Hospital Macro Regional está com  15 novos leitos montados para funcionar mais estão faltando os ventiladores e os funcionários para trabalhar nesses leitos. Então, diante do avanço dos casos do Covid-19 na região, nossa população  precisa que seja agilizado  o mais rápido possível o funcionamento desses leitos. Faço esse pedido porque tenho acompanhado e observado a situação pra onde estamos caminhando.

Ex-deputado Zé Genésio.

BNDES emprestou R$ 16,5 milhões à Fribal para compra de jatinho, diz O Antagonista

BNDES emprestou R$ 16,5 milhões à Fribal para compra de jatinho, diz O Antagonista

5

O Antagonista revelou hoje a lista de beneficiários de empréstimos do BNDES para a compra de jatinhos da Embraer.

A lista engloba banqueiros, empresários, advogados e artistas.

Do Maranhão, há pelo menos um beneficiário: Rio Grande Comercio de Carnes Ltda, razão social da conhecida Fribal.

Segundo O Antagonista, entre 2009 e 2014 o banco liberou R$ 1,9 bilhão para 134 operações de crédito a juros subsidiados, que variaram de 2,5% a 8,7% ao ano.

Pedro Lucas assume direção do PTB no Maranhão

Pedro Lucas assume direção do PTB no Maranhão

O deputado federal Pedro Lucas Fernandes assume hoje (29) a presidência do diretório regional do PTB no Maranhão em substituição ao ex-deputado federal Pedro Fernandes.

Pedro Lucas destacou o trabalho do ex-deputado Pedro Fernandes em prol da unidade e crescimento do partido.

“O ex-deputado federal Pedro Fernandes, após seis meses do fim do seu mandato, deixa a direção estadual do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB). Pedro Fernandes fez muito pelo crescimento e união do partido no Maranhão e com certeza deixa um grande legado em prol do PTB”, disse.

Pedro Lucas agradeceu a escolha do seu nome e disse estar pronto para o desafio.

“Com muito respeito, aceito o desafio a mim confiado de assumir a direção estadual do PTB, e trabalhar ainda mais pelo crescimento no nosso partido no Maranhão. Agradeço ao ex-deputado Pedro Fernandes e a confiança de todos os filiados!”, destacou nas redes sociais.

O ex-deputado Pedro Fernandes disse que a mudança é fundamental para a oxigenação e renovação no PTB.

“Conforme programado, após seis meses do término do meu mandato de deputado federal, deixarei a direção Estadual do Partido Trabalhista Brasileiro-PTB. A fila anda e tem que andar pela necessidade da oxigenação e renovação partidária. Pedro Lucas, deputado federal, é jovem e está disposto a encarar o desafio do crescimento partidário no Estado, razão pela qual sua condução à direção partidária regional é tida com ampla aceitação pelo quadro de filiados atuais e referenciada pelo bom trâmite que possui no meio político e social do estado e pela sua reconhecida atuação política no âmbito federal e estadual”, disse Pedro Fernandes.

PSL do Maranhão promoverá seminário de capacitação política em todo o estado

PSL do Maranhão promoverá seminário de capacitação política em todo o estado

O presidente estadual do Partido Social Liberal – PSL no Maranhão, Vereador Chico Carvalho, entendendo que para fazer crescer e fortalecer a sigla em todo estado promove curso de capacitação política, para todos os pretensos pré candidatos a vereador e prefeito que possivelmente irão concorrer nas eleições de 2020.

Foi criada a Comissão Técnica de Análise Política – CTAP, que ficará responsável na organização e desenvolvimento das ações e estratégias dessa capacitação com o objetivo de envolver também, Comissões, Diretórios e filiados do partido. A capacitação terá início nos quatro municípios que compõe a região da ilha do Maranhão.

MPF questiona lei do Maranhão sobre promoção de juízes

MPF questiona lei do Maranhão sobre promoção de juízes

Do Conjur

O Ministério Público Federal ajuizou, nesta quinta-feira (18/7), ação contra lei do Maranhão que permite que juízes promovidos à entrância final optem por permanecer na intermediária, criando uma espécie de “promoção virtual” ou “promoção bate e volta”.

Na ação, o MPF afirma que a previsão contraria os princípios da igualdade e da impessoalidade e os critérios para promoção e remoção de magistrados judiciais previstos na Constituição.

“A movimentação na carreira da magistratura judicial (promoção, remoção e permuta) envolve interesse de toda a magistratura nacional, sobremodo em face do caráter unitário da magistratura judicial brasileira, o que impõe que a matéria seja tratada de maneira uniforme por lei complementar nacional, cuja iniciativa pertence ao Supremo Tribunal Federal”, afirma.

De acordo com o MPF, o Supremo Tribunal Federal, em diversos julgados, declarou inconstitucionalidade formal de leis estaduais que, a pretexto de detalhar critérios para promoção na carreira judicial, divirjam do modelo traçado pela Constituição e pela Lei Orgânica da Magistratura Nacional (Loman).

“A legislação estadual não pode modificar matéria de competência de Lei Complementar nacional da magistratura, disciplinando critérios de desempate entre magistrados, esvaziando o animus do constituinte de criar regras de caráter nacional”, diz em trecho da ação.

Paralisação: Bancos não funcionam no Maranhão

Paralisação: Bancos não funcionam no Maranhão

Centrais sindicais convocam uma greve geral de trabalhadores para esta sexta-feira (30/6) em um protesto contra as reformas trabalhista e da Previdência que tramitam no Congresso.

 Por este motivo há interrupção nos serviços bancários de todo o Maranhão . Os trabalhadores decidiram aderir à paralisação geral que acontece em todo o país. Os bancários devem se concentrar principalmente na Praça Deodoro, no centro da cidade, onde farão atos públicos.

Outras categorias também devem se mobilizar. Urbanitários, servidores federais e estaduais, além de professores também devem aderir ao movimento.

Categorias como os professores da rede pública estadual, bancários, vigilantes, petroleiros, motoristas e cobradores de ônibus, metalúrgicos, entre várias outras já confirmaram que vão cruzar os braços durante a manifestação desta sexta. Já os sindicatos que representam a classe empresarial não devem aderir ao movimento.

Procuradores do Estado do MA entram em estado de greve

Procuradores do Estado do MA entram em estado de greve

Os Procuradores do Estado decidiram, em assembleia realizada  nesta terça- feira (17), entregar cargos comissionados – em protesto contra o Governo do Maranhão. Além desta medida, no dia 6 do próximo mês, a categoria deverá entrar em greve, por tempo indeterminado.

A entrega dos cargos comissionados deverá ser formalizada nesta sexta-feira (19), às 15h, em ato na sede da Procuradoria do Estado. Até o momento, o Governo do Maranhão não se pronunciou sobre o assunto.

De acordo com os procuradores, há um “descaso” por parte do Poder Executivo Estadual com a classe. Eles se sentem desvalorizados pela gestão pública e, com salários considerados defasados há pelo menos três anos e sem acordo, decidiram tomar medidas mais extremas.

Rede de farmácias Big Ben encerra atividades no Maranhão

Rede de farmácias Big Ben encerra atividades no Maranhão

A rede de farmácias Big Ben encerrou, nesta terça-feira (16), as atividades no estado do Maranhão, onde mantinha unidades nas principais cidades do interior e  em São Luís. Na Capital, todas as farmácias fecharam as portas. O mesmo estaria acontecendo em outros estados, onde o grupo responsável pela administração da rede também decidiu fechar as lojas.

O dono da Big Ben, Andrés Esteves, foi preso pela Polícia Federal ainda em 2015 por ser o proprietário e controlador do Banco BTG Pactual e desde então entrou em crise financeira. Agora foi obrigado a vender a rede de farmácias, que inclui a Big Ben, ao empresário Paulo Remy, sócio da construtora Wtorres.