Vinte anos depois, Rosário volta a eleger mulheres para Câmara Municipal

Vinte anos depois, Rosário volta a eleger mulheres para Câmara Municipal

Sede da Câmara de Rosário – Foto: Reprodução

A Câmara Municipal de Rosário volta, a partir do próximo ano, a contar com a participação feminina ativa em seus trabalhos. Sem eleger uma vereadora desde 1992, o município rosariense escolheu três mulheres como novas parlamentares do Poder Legislativo Municipal. Morena da Pesca (Podemos), Professora Lucia Cavalcante (PSDB) e Valdinea Matos (PCdoB) conseguiram votações expressivas e garantiram as vagas no último domingo (15).

Em toda a sua história, Rosário teve poucas mulheres exercendo mandatos no Poder Legislativo. Entretanto, já se passavam exatos 20 anos sem que uma representante do sexo feminino fosse eleita no município para uma das cadeiras no parlamento.

O último mandato feminino na Câmara de Rosário foi exercido entre os anos de 2001 e 2004, com a eleição da vereadora Maria da Graça Botentuit, que na época pertencia ao Partido Verde (PV). Desde então, apenas homens têm sido eleitos para o cargo de representante do Poder Legislativo Municipal.

Graça Botentuit fez história no parlamento rosariense (Foto: Reprodução)

FIM DO CLUBE DO BOLINHA

Graça Botentuit foi a 1ª vereadora que acabou com o ‘Clube do Bolinha’ na Câmara. Ela também é a mulher com mais mandato  no Legislativo rosariense. Segundo apurou o blog, ela foi eleita para seu primeiro mandato em 1992, assumindo o cargo em 1993.

Em seguida, foi reeleita para mais dois mandatos em 1996 e 2000. Perdeu o mandato em 2004, quando buscava seu terceiro mandato consecutivo.

 

 

Leia mais notícias em www.dalvanamendes.com e siga nossas páginas no Facebook, no YouTube e no Instagram. Envie informações à Redação do Blog por WhatsApp pelo telefone (98) 98784-1834.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *