Famílias de baixa renda podem solicitar abatimento na conta de luz em São Mateus

Famílias de baixa renda podem solicitar abatimento na conta de luz em São Mateus

A prefeitura de São Mateus do Maranhão e a Companhia Energética do Maranhão (Cemar) lançaram a Campanha ‘Tarifa Social de Energia Elétrica’, na última terça- feira, 29. O acordo vai permitir que sejam incluídos no programa de descontos da conta de luz, famílias de baixa renda, indígenas e quilombolas.

“Esta parceria do Tarifa Social vai atender famílias de baixa renda e comunidades indígenas e quilombolas com redução de 65% e até 100% de suas tarifas de energia elétrica, permitindo que essas pessoas usem o dinheiro economizado para aquisição de alimentos e outros produtos”, disse o prefeito interino Ivo Rezende.

Têm direito aos descontos da tarifa social de até 65% os beneficiários de baixa renda que estejam inscritos no CadÚnico, com renda familiar mensal per capita menor ou igual a meio salário mínimo nacional; ou beneficiários do Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social – BPC. Os descontos de até 100% são para famílias indígenas ou quilombolas, por faixa de consumo.

A atualização e a inclusão no CadÚnico podem ser feitas no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), ou na Secretaria Municipal de Assistência Social. Após a regularização do cadastro, o beneficiário pode solicitar a participação no programa nas agências de atendimento da Cemar.

A regularização dos cadastros garante também que os beneficiários não percam outros programas federais e estaduais de complementação de renda, como o Bolsa Escola, Bolsa Família, Água para Todos, Benefício de Prestação Continuada (BPC), dentre outros.

Estiveram presentes no evento, o prefeito em exercício, Ivo Rezende, secretário de Assistência Social, Cleyton Ferreira, secretário de Juventude, Altemir Miranda, representante da Cemar, Ismael Nascimento e coordenadora do Cadastro Único e Bolsa Família, Janaína Sotério.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *